Mais Dinheiro: Saque do FGTS acima de R$3 Mil disponível para nascidos em janeiro e fevereiro



Por: Amarildo Mota

Já está valendo o calendário de saque do FGTS dentro da modalidade saque-aniversário. Os nascidos em janeiro e fevereiro já podem receber. O saque-aniversário FGTS baseia-se na liberação anual de um percentual do fundo de garantia no mês de aniversário do trabalhador.


Os trabalhadores poderão receber entre 5% a 50% do fundo, dependendo do quanto já possuem na conta. Quem tem mais de 20 mil reais em suas contas do FGTS, podem sacar um valor superior a R$ 3 mil. Também foram inclusas parcelas adicionais que devem fazer parte do saque aniversário do FGTS.

Valor de saque FGTS

As alíquotas aplicadas sobre o fundo consideram esta tabela:



Fonte: Caixa Econômica

Por exemplo, uma trabalhadora que somou em seu fundo de garantia R$22.300 vai receber R$4.015. O cálculo:
  • 22.300 x 5% + 2.900 adicional = 4.015.

Calendário saque aniversário FGTS

  • Nascidos em janeiro e fevereiro: saque de abril a junho de 2020;
  • Nascidos em março e abril: saque de maio a julho de 2020;
  • Nascidos em maio e junho: saque de junho a agosto de 2020;
  • Nascidos em julho: saque de julho a setembro de 2020;
  • Nascidos em agosto: saque de agosto a outubro de 2020;
  • Nascidos em setembro: saque de setembro a novembro de 2020;
  • Nascidos em outubro: saque de outubro a dezembro de 2020;
  • Nascidos em novembro: saque de novembro de 2020 a janeiro de 2021;
  • Nascidos em dezembro: saque de dezembro de 2020 a fevereiro de 2021.
O trabalhador que tiver interesse em mudar para o saque-aniversário, deve comunicar a Caixa até o último dia do mês de seu aniversário. Caso contrário, só começará a receber seu FGTS nesta modalidade no próximo ano.
Os trabalhadores que optarem pelo saque-aniversário não poderão sacar o total da conta por motivo de demissão, mas têm direito a todas as demais modalidades de saque, que incluem a multa rescisória, por exemplo.
E também podem usar o fundo para a compra da casa própria, doenças graves, aposentadoria e outros casos que já estão previstos anteriormente na lei.

Já aderiram ao saque-aniversario cerca de  1,5 milhão de trabalhadores. Ao optar por esta modalidade, o trabalhador poderá retirar todo ano um percentual de seu FGTS, mas como citado, ficará sem direito a rescisão.
Fonte: fé e